Imposição do Pálio Arquiepiscopal a Dom Delson


 01/08/2017 - Neste sábado, dia 5 de agosto, às 9h, na Catedral Basílica

O Arcebispo Metropolitano da Paraíba, Dom Frei Manoel Delson Pedreira da Cruz, OFMCap., recebeu, no dia 29 de junho, o Pálio Arquiepiscopal das mãos do Papa Francisco, em Roma. Mas Dom Delson ainda não usou esse símbolo do Arcebispado. A imposição do mesmo, ou seja, o primeiro uso no paramento, será aqui em João Pessoa. Quem vai fazer a imposição é o Núncio Apostólico no Brasil, Dom Giovanni d’Aniello (representante do Vaticano no País e responsável por impor o símbolo nos ombros do Arcebispo), no dia 5 de agosto, às 9h, numa Solene Concelebração Eucarística na Catedral Basílica de Nossa Senhora das Neves, no Centro de João Pessoa. Será na Missa Solene da Festa da Padroeira.

O Pálio, do latim “pallium”, manto, é uma espécie de colarinho de lã branca, com cerca de 5cm de largura e dois apêndices - um na frente e outro nas costas. Possui seis cruzes bordadas em lã preta - quatro no colarinho e uma em cada um dos apêndices. É uma insígnia, um símbolo litúrgico, de “honra e jurisdição”, usado pelos Arcebispos. O Pálio é símbolo do serviço e da promoção da comunhão na própria Província Eclesiástica, na qual o Metropolita está à frente, e na sua comunhão com a Sé Apostólica.


Assessoria de Imprensa e Comunicação da Arquidiocese da Paraíba

  •  Endereço: Palácio do Carmo - Praça Dom Adauto, s/n
    Centro - João Pessoa (PB)
  •  Fone:(83) 3133-1000
  •  E-mail: curia@arquidiocesepb.org.br
Twitter

© Mitra Arquidiocesana da Paraíba – Todos os direitos reservados